Verão é uma das estações mais dividida entre os brasileiros, a quem ame, mas também existem aqueles que o odeiam.

Porém, como toda estação, é preciso ter alguns cuidados especiais, principalmente quais alimentos consumir no verão.

Para se preparar para essa temporada, confira aqui dicas de como manter a alimentação no verão, lidando com as altas temperaturas e muitas chuvas

Como nosso organismo reage ao verão?

A cada estação, nosso corpo de adapta ao momento, por exemplo, no inverno, precisamos ter mais energia para nos manter aquecidos, logo consumimos mais alimentos.

Já no verão esta taxa cai drasticamente, já que a energia é gasta para tentar manter o corpo fresco.

Por isso, apostar em alimentos muito calóricos nesta estação podem sobrecarregar o nosso corpo, dificultando o seu funcionamento pleno.

Para que isso não venha acontecer, o essencial é apostar em algumas ações, entre elas:se manter hidratado.

Por que é importante se manter hidratado? Para responder isso, vamos relembrar as aulas de biologia, no verão, o nosso organismo sofre um pouco mais para manter a temperatura normal, em torno de 37º C.

Com isso, para que seu corpo consiga de manter resfriado, acontece a transpiração, ou, o suor que leva uma perda considerável de água, sais mineiras, como o sódio e potássio.

O corpo humano é formado por, aproximadamente, 60% de água, e quando este nível cai 2%, já é possível perceber algumas alterações em nossas funções cognitivas, como percepção visual, memória e atenção.

Desta forma, a ingestão de líquidos deve ser constante ao longo do dia a dia. Lembrando que a sensação de sede já é um sinal de desidratação.

Para manter esse controle sobre a quantidade de líquido ideal diária depende de alguns fatores, como idade, peso, sexo e nível de exercício físico.

Mas, a média, de 2 litros para adolescentes e adultos e 1,2 litros para crianças é uma ótima opção a ser seguida.

Entre as bebidas ideias para hidratar o corpo estão: água, água de coco, chás naturais gelados e sucos naturais. Já os refrigerantes, que são ricos em açúcar, sódio, calorias e aditivos químicos é melhor evitar.

O que comer no verão:

Os alimentos tem um grande poder em nosso organismo, por meio deles, é possível se hidratar, cuidar da pele, entre outras ações.

Para ajudar a consumir esses durante o verão, destacamos algumas dicas, mas antes de lê-las, vale lembrar que a estação também pede cuidados especiais com a higiene e refrigeração dos alimentos, evitando riscos de infecções e contaminação de ingredientes.

  1. Verduras e legumes
  2. Frutas
  3. Sementes e oleaginosas
  4. Cereais integrais e carnes magras
  • Verduras e legumes

Por terem poucas calorias, boa quantidade de água e ricos em vitaminas e minerais. As verduras e legumes são essenciais no cardápio alimentar diário.

Exemplos de alimentos são: couve, brócolis e ervilha que também funcionam como filtro para os raios ultravioletas por conter luteína e zeaxantina.

  • Frutas

Sendo aperitivos deliciosos e refrescantes, muitas frutas contam com vitamina C e betacaroteno, que combatem os danos causados pela excessiva exposição ao sol.

Entre as principais opções para comerem, temos alimentos amarelados: mamão, goiaba, manga, melão, laranja, morango e melancia.

Ah, eles também são essenciais para manter a hidratação do nosso corpo, além de serem pouco calóricos.

  • Sementes e oleaginosas

Outros alimentos com ação de foto proteção são algumas oleaginosas e sementes, como amêndoas, castanhas nozes, gérmen de trigo, semente de girassol, milho e amendoim. Elas atuam desta forma por possuírem em sua composição o selênio e vitamina E.

  • Cereais integrais e carnes magras

Ricas em proteínas, os cereais integrais e carnes magras são essenciais para o crescimento e reparação do nosso organismo.

Algumas destas proteínas também são fontes de ômega 3, como salmão, sardinha, linhaça e chia, que possuem gordura boa que melhora a inflamação de pele causada pela exposição solar.

Agora que já sabe como se alimentar, não há desculpa para não aproveitar bem o verão.

Lembre-se de usar protetor solar, óculos de sol e é claro, beber muito líquido.